Arquivos | 1:44 AM

O que não pode ficar inacabado

19 ago

Recentemente, enquanto corria, passei em frente a uma construção inacabada. Observando aquele terreno sujo, aquelas paredes que começaram a ser erguidas e foram deixadas de lado, com todo um aspecto de abandono, foi inevitável pensar nas palavras de Jesus quando disse: “Pois qual de vós, pretendendo construir uma torre, não se assenta primeiro para calcular a despesa e verificar se tem os meios para concluí-la? Para não suceder que, tendo lançado os alicerces e não a podendo acabar, todos os que virem zombem dele”. (Lucas 14: 28-29).

Ao citar essa ilustração, Jesus falava sobre as condições para ser Seu discípulo, sobre a necessidade que temos de calcular e decidir se estamos dispostos a pagar o preço para segui-lO.  E qual é o preço dessa decisão? Podemos afirmar com toda certeza, baseados no que Jesus disse, que o valor a pagar é tudo. Por inúmeras vezes Jesus afirmou que a condição para segui-lo era render tudo a Ele: “Todo aquele que dentre vós não renuncia a tudo quanto tem não pode ser meu discípulo”. (Lucas 14:33).

Jesus estabelece essa condição, não por causa dEle, mas por causa de nós, pois sabe que não podemos e não sabemos ser donos de nós mesmos, e toda plenitude que necessitamos está nEle. Somos completos apenas quando nos entregamos por inteiro a Ele. E quando nossa entrega não é por inteiro, ficamos iludidos, enganando a nós mesmos, pois, como disse Agostinho, “criaste-nos para Vós, e a nossa alma vive inquieta enquanto não repousa em Vós”.

Se você iniciou um relacionamento com Jesus, deve saber qual é o preço que Ele exige para que esse relacionamento seja construído. Ele iniciou uma obra de transformação de caráter em sua vida a qual Ele quer e pode terminar (Filipenses 1:6), mas que está condicionada a você deixar tudo à disposição dEle.

Precisamos estar diariamente analisando em que nível de rendição estamos: parcial ou total. Se ainda tivermos algo em nossas mãos, temendo a perda, nunca seremos totalmente realizados. Seremos como a construção que vi, inacabados. Não tema render tudo em sua vida a Jesus. Seja totalmente dele e viva cheio da plenitude de vida que Ele reservou para ti.

Em Cristo,

@Cristiano_brum

Soli Deo Gloria

Seguir

Obtenha todo post novo entregue na sua caixa de entrada.

Junte-se a 9.748 outros seguidores

%d blogueiros gostam disto: